read to know bad or good score
узнайте больше
guaranteed approval personal loans for bad credit
instgram followers
instagram pay for likes
real instagram followers
buy real instagram followers and likes
buy real instagram followers cheap
instagram real followers
ANLI-Contra Maus-tratos
ANLI-Contra Maus-tratos

SOBRE

ANLB(Associação Nacional do Laço Bezerro)

No dia 31 do mês de Janeiro de 2003, foi oficialmente aberta a assembléia Geral de Fundação da ASSOCIAÇÃO NACIONAL DO LAÇO DE BEZERRO (A.N.L.B.), com sede e domicílio foro na Cidade de São Caetano do Sul, Estado de São Paulo, na Rua Rio Grande do Sul, 951, bairro Monte Alegre, São Caetano do Sul, com duração ilimitada. Os presentes, adiante qualificados, elegeram para presidir os trabalhos Nilton Barros Braga, e para secretario Marcelo Braido Dario. Iniciaram-se os debates sobre a proposta de estatuto que, depois de analisada e modificada, foi por unanimidade aprovada.

Sob a denominação de “ASSOCIAÇÃO NACIONAL DO LAÇO DE BEZERRO”, que também utilizará como identificação a sigla “ANLB” é constituída uma associação com base territorial e exercício de suas atividades específicas em todo o território Nacional.

A ANLB é uma entidade de natureza civil, sem fins lucrativos, regendo-se por este estatuto e no que lhe for aplicável, pela legislação pertinente.

A ANLB utilizará como símbolo registrado nas repartições competentes o esboço de um cavaleiro laçando um bezerro.

A ANLB tem como finalidade o fomento e o incentivo da modalidade de equitação “western” denominada “LAÇO AO BEZERRO”, principalmente o criatório e o adestramento do cavalo visando sua participação nas provas funcionais da modalidade, podendo dedicar-se à pratica de qualquer outra natureza relacionada com o cavalo de laço e para tanto:

  • a) Manterá livro de Registro dos animais;
  • b) Emitirá certificados de habilidade para os animais participantes das provas de laço;
  • c) Promoverá a regulamentação e fiscalização de todos os assuntos pertinentes à modalidade tais como: campeonatos e competições em geral, ranking de cavaleiros cavalos, leilões, transferências de propriedade, publicações, clínicas e seminários, etc.;
  • d) Intercâmbio com entidade congêneres nacionais e internacionais que visem o mesmo objetivo;
  • e) Manterá relações e entendimentos buscando colaborar com todas as associações de criadores de animais adequados à prática da modalidade na resolução de problemas relacionados aos mesmos, desde que registrados na ANLB;
  • f) Buscará a colaborar com poderes públicos na resolução de todos e quaisquer problemas relacionados com à ANLB; e
  • g) Promoverá a defesa dos interesses dos associados.

O quadro social da ANLB é constituído das seguintes categorias de sócios:

  • a) FUNDADORES – todos associados que assinaram a ata da fundação da ANLB do dia 31 de Janeiro de 2003;
  • b) CONTRIBUINTES – todos os associados, pessoas físicas e jurídicas legalmente constituídas que a ela se filiarem e que estejam em dia com as obrigações sociais estabelecidas neste Estatuto e pela Diretoria Executiva;
  • c) REMIDOS – todos os associados que contribuírem de uma só vez, com o equivalente a trinta (30) anuidades e desde que aprovados pela Diretoria;
  • d) BENEMERITOS – todas aquelas pessoas físicas. ou jurídicas que tenham prestado serviços relevantes a ANLB, e cuja proposta fundamentada encaminhada pela Diretoria Executiva seja aprovada pela Assembléia Geral.

Os sócios beneméritos estão isentos do pagamento de anuidades estando, porém, sujeitos ao pagamento de todas as outras taxas e emolumentos vigentes.

Por deliberação na assembléia ordinária ocorrida no dia 31 de janeiro de 2017, foi alterado a denominação da Associação para ANLI.

ANLI(Associação Nacional do Laço Individual)

1) OBJETIVO: Profissionalizar o laço individual no Brasil através da ANLI (Associação Brasileira do Laço Individual), observando a legislação vigente, as práticas de bons tratos e cuidados com os animais, a regulamentação da ABQM (Associação Brasileira do Cavalo Quarto de Milha), em conformidade com as organizações estaduais e ou regionais atuantes no segmento.

2) Metas:

  • a) arrecadar receitas suficientes para manter a ANLI;
  • b) viabilizar Software de Gestão abrangendo, por exemplo, a área administrativa, cadastro de criadores e animais, controle de provas / ranking, baseadas nas realizadas pela ABQM, etc.;
  • c) padronizar as competições de laço individual no território nacional e vinculá-las à ANLI, possibilitando, no final do ano, o “Potro do Futuro” e “Prova Técnica”, e a grande final do Campeonato Nacional, de cronometro, cujos competidores serão classificados conforme seus desempenhos decorrentes de participações nas provas credenciadas em várias regiões e ou estados do país;
  • d) padronizar categorias por tempo e não por HandCap, conforme já é praticado nos EUA;
  • e) difundir o laço individual nos Estados de pouca atuação;
  • f) fortalecer a ANLI perante a ABQM, observando legislação vigente.